Chef confeiteiro faz sucesso com naked cakes de massa de pão de ló para casamentos


Quando se fala em bolo de casamento, muita gente imagina diversos andares enfeitados com pasta americana e dois noivinhos na parte de cima. No entanto, nos últimos anos, com o crescimento da tendência ‘boho’ nos matrimônios, festas mais simples e em lugares diferentes, como na praia ou na mata, isso mudou. Enxergando aí um novo nicho de mercado, o confeiteiro Marcelo Eça, que vive em Cuiabá desde fevereiro de 2017, aplicou a técnica em suas tortas finas, criando uma linha de naked cakes de casamento.

Todos os bolos de Marcelo são feitos com massa de pão-de-ló, e com técnicas que ele aprendeu em um curso com o chef suíço Romero Bicalho. “A massa de pão de ló é francesa, e não vai fermento nem leite. Por isso, é muito mais leve”, afirma o chef.

Para as noivas, a tendência é decorar os bolos com flores naturais, o que, segundo ele, é o que encarece um pouco. “Os preços partem de 75 a 80 por quilo, se for, por exemplo, decorado com rosas. Se a intenção é decorar com flores mais caras, como orquídeas, o preço aumenta”.

Marcelo explica que tudo é feito de acordo com o que a noiva prefere. Ele pode, por exemplo, enfeitar o naked com frutas, e fazê-lo com mais de um andar. “O máximo que posso fazer é de 9 kg, ou três andares, o que seria ideal para uma festa de 150 pessoas”, afirma.

No entanto, segundo o confeiteiro, o que muitos clientes fazem é comprar mais de um bolo, um que vai ficar de enfeite, e os outros que ficam na cozinha, só para ser servidos caso o primeiro acabe.

“Essa é uma tendência principalmente aqui, por causa do calor, porque o naked é um bolo mais tropical. Os bolos feitos com pasta americana, que eu nem trabalho, correm o risco de derreter caso fiquem muito tempo expostos”, explica.

Fonte: OLHAR DIRETO